SALVADOR 01 728 x 90

Patrulha Solidária distribui brinquedos, doces e material escolar para crianças.

Iniciativa beneficiou crianças do do Quilombo Lagoa do Arroz, em Vitória da Conquista, sudoeste baiano.

Por Jorge Matos em 03/05/2021 às 16:11:13
Foto: Polícia Militar

Foto: Polícia Militar

A Patrulha Solidária do Comando de Policiamento da Região Sudoeste (CPRSO) iniciou, na última semana, a arrecadação de calçados que serão entregues às crianças em situação de vulnerabilidade social de diferentes regiões de Vitória da Conquista, sudoeste baiano, e dooou kist escolares, mochilas, doces e brinquedos. durante a campanha

Quarenta crianças da localidade conhecida como Quilombo Lagoa do Arroz, no município, também foram presentadas com mochilas e kits escolares, doados pelos policiais em parceria com o Clube do Jeep da cidade. De acordo com a coordenadora da Patrulha Solidária, tenente Maria Alice Santana, a iniciativa visou reduzir as dificuldades enfrentadas pelos estudantes neste período de pandemia. Também foram entregues brinquedos e doces para cerca de 40 crianças que estavam na localidade.

A comandante falou sobre a campanha 'De pés calçados - mais esperança nos meus passos', que deseja arrecadar e distribuir calçados de todas as numerações para crianças e adolescentes carentes. "Em entregas de alimentos percebemos que algumas crianças estavam descalças e descobrimos que muitas famílias não estavam em condições de comprar, algumas chegaram a pedir o item", detalhou.

"Fechamos uma parceria com uma loja local e todo voluntário que desejar contribuir deve adquirir o calçado na loja Vizzual por apenas R$6, ou em uma loja de sua preferência, e entregar na sede do comando regional", detalhou a PM ao lembrar que a unidade não recebe doação em dinheiro.

Samuel, 3 anos, foi a primeira criança beneficiada pela campanha. "Foi um momento muito importante e necessário para a vida da criança, que estava com os pezinhos cheios de espinhos", concluiu.

Fonte: Polícia Militar da Bahia

Comunicar erro
PagSeguro 02 728 x 90

Comentários

Isael Barros